25.9.06

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS


ALBIN, Ricardo Cravo. O livro de ouro da MPB - A História de nossa música popular de sua origem até hoje. Rio de Janeiro: Ediouro, 2003.

________. MPB - A História de um século. Rio de Janeiro: Funarte, 1998.

ALENCAR, Edigar. O carnaval carioca através da música – 3.ª ed. Rio de Janeiro: Francisco Alves/MEC, 1979.

ALMADA, Sandra. Damas Negras - sucesso, lutas e discriminação: Chicha Xavier, Léa Garcia, Ruth de Souza, Zezé Mota. Rio de Janeiro: Maçuda, 1995.

ALMIRANTE. No tempo de Noel Rosa. 2.ª ed. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1977.

ARAÚJO, Maria Celina Soares d'. O segundo governo Vargas - 1951-1954. Rio de Janeiro: Zahar, 1982.

AUDRÁ JR., Mário. Cinematográfica Maristela: memórias de um produtor. São Paulo: Silver Hawk, 1997.

AUGUSTO, Sérgio. Este mundo é um pandeiro. São Paulo: Companhia das Letras, 1990.

AVELAR, José Carlos Avelar. O cinema dilacerado. Rio de Janeiro: Alhambra, 1986.

AZEVEDO, M. A. de (NIREZ) et al. Discografia brasileira em 78 rpm. Rio de Janeiro: Funarte, 1982.

AZEVEDO, Fernando. As Ligas Camponesas: campesinato e política. Rio de Janeiro: Paz e terra, 1982. 145p.

A VIDA de Marlene: depoimento. Rio de Janeiro: ed. Rio, Faculdades Integradas Estácio de Sá, [s.d.].

BARROS, Luiz de. Minhas memórias de cineasta. Rio de Janeiro: Artenova/Embrafilme, 1978.

BASTIDORES Ill: entrevistas a Simon Khouri. Rio de Janeiro: Leviatã, 1994.

BASTIDORES lV: entrevistas a Simon Khouri. Rio de Janeiro: Leviatã, 1994.

BASTOS, Mônica Rugai. Tristezas não pagam dívidas - Cinema e política nos anos da Atlântida. São Paulo: Olho d'Água, 2001.

BENEVIDES, Maria Victoria de Mesquita. A UDN e o udenismo. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1981.

__________.O governo Kubitschek: desenvolvimentismo econômico e estabilidade política, 1956-1961. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1976.

BERNARDET, Jean-Claude. Cinema brasileiro: propostas para uma história. Rio de Janeiro, Paz e Terra, 1979.

__________. Historiografia clássica do cinema brasileiro. São Paulo, Annablume, 1995.

__________. Trajetória crítica. São Paulo: Polis, 1978.

BERRIEL, Carlos Eduardo Ornelas. Carlos Ortiz e o cinema brasileiro na década de 50. São Paulo: Centro de Documentação e Informação sobre a Arte Brasileira Contemporânea, 1981.

BOJUNGA, Cláudio. JK: o artista do impossível. Rio de Janeiro: Objetiva, 2001.

BORBA FILHO, Hermilo. O cavalo da noite. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira/Círculo do Livro [s.d.].

BRANDI, Paulo. Vargas: da vida para a história / com a colaboração de Mauro Malin e Plínio de Abreu Ramos. 2. ed.ver. Rio de Janeiro: J. Zahar, 1985.

BRANDÃO, Maria Rita E. Crônica do cinema paulistano. São Paulo: Ática, 1975.

CABRAL, Sérgio. Elisete Cardoso: uma vida. Rio de Janeiro: Lumiar, [s.d.].

________. ABC de Sérgio Cabral. Rio de Janeiro: Codecri, 1979.

________. As escolas de samba do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro, Lumiar, 1996.

CAFFÉ, Miécio. As cantoras do rádio: 50 anos de som e imagem da MPB. São Paulo: Museu da imagem e do Som, 1992.

CALDAS, Klécius. Pelas esquinas do Rio: tempos idos e jamais esquecidos. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1994.

CALDEIRA, Jorge dos S. Voz macia: o samba como padrão de música popular brasileira: 1917/1939. Dissertação de Mestrado, Sociologia, FFLCH/USP, 1989.

CALDEIRA, Jorge. Noel Rosa: de costas para o mar. São Paulo, Brasiliense, 1984.

CALIL, Carlos Augusto. A Vera Cruz e o mito do cinema industrial. In: Projeto Memória Vera Cruz. São Paulo, Secretaria de Estado da Cultura / Museu da Imagem e do Som, 1987.

CAMPOS, Alice D. Silva et alii. Um Certo Geraldo Pereira. Rio de Janeiro: Funarte/MEC, 1983.

CAMPOS, Augusto de. Balanço da bossa e outras bossas. 4. ed. São Paulo: Perspectiva, 1986. 354p. (Coleção debates; 4).

CARDOSO, Sylvio Tullio. Dicionário Biográfico da Música Popular. Rio de Janeiro: Edição do autor, 1965.

CAREY, John. Os intelectuais e as massas. São Paulo: Ars Poética, 1993.

CARONE, Edgard. O Estado Novo - 1937-1945. Rio de Janeiro: Difel, 1976.

CASTRO, Ruy. O anjo pornográfico: a vida de Nelson Rodrigues. São Paulo: Companhia das Letras, 1992.

____________. Chega de saudade: a história e as histórias da bossa nova. São Paulo: Companhia das Letras, 1990.

____________. Estrela solitária - Mané Garrincha. Rio de Janeiro: Companhia das Letras, 1995.

CATANI, Afrânio Mendes e SOUZA, José I. de Melo. A chanchada no cinema brasileiro. São Paulo: Brasiliense, 1983.

CATANI, Afrânio Mendes. A aventura industrial e o cinema paulista in História do cinema brasileiro. São Paulo: Art, 1987.

_________. A sombra da outra - A Cinematográfica Maristela e o cinema industrial paulista nos anos 50. São Paulo: Panorama, 2002.


CAVALCANTI, Alberto. Filme e Realidade. São Paulo: Martins, 1953.

CHAVES, Xico e CYNTRÃO, Sylvia. Da paulicéia à centopéia desvairada - as vanguardas e a MPB. Rio de Janeiro: Elo Editora, 1999.

COELHO, Teixeira. O que é indústria cultural? São Paulo: Brasiliense, 1981.

CORBISIER, Roland. JK e a luta pela presidência: campanha civilista. São Paulo: Livraria Duas Cidades, 1976.

CUNHA, Fabiana Lopes. Da marginalidade ao estrelato: o samba na construção da nacionalidade (1917-1945). São Paulo, Annablume, 2004.

CVRD – Companhia Vale do Rio Doce. Parque Municipal: crônica de um século. Belo Horizonte: CVRD, 1992.

D'ARAUJO, Maria Celina. A era Vargas. 2. ed. São Paulo: Moderna, 1997. (coleção Polêmica)

__________. O Segundo Governo Vargas - 1951-1954: democracia, partidos e crise política. Rio de Janeiro: J. Zahar, 1982.

DIAS, Rosângela de Oliveira. O mundo como chanchada: cinema e imaginário das classes populares na década de 50. Rio de Janeiro: Relume-Dumará, 1993.

DIVERSOS. Enciclopédia da música erudita, folclórica e popular (2 vols.). São Paulo: Art, 1977.

________. História da música popular brasileira (48 fascículos). São Paulo: Abril Cultural, 1970.

________. História da música popular brasileira (52 fascículos). São Paulo: Abril Cultural, 1982.

________. História do século vinte (6 vols.). São Paulo: Abril Cultural, 1968.

________. Nosso Século - 1945-1960 (2 vols.). São Paulo: Nova Cultural, 1985.

________. Nova história da música popular brasileira (75 fascículos). São Paulo: Abril Cultural, 1976.

DÓRIA, Gustavo A. Moderno teatro brasileiro. Rio de Janeiro: MEC/SNT [s.d.].

DREYFUS, Dominique. Vida do viajante: a saga de Luiz Gonzaga. São Paulo: 34, 1996.

DUARTE, Paulo. Retrato do Brasil: ensaio sobre a tristeza brasileira. 4.ª ed. Rio de Janeiro: F. Briguet & Cia., 1931.

DULCI, Otávio Soares. UDN e o anti-populismo no Brasil. Belo Horizonte: Ed. UFMG, 1986.

EFEGÊ, Jota. Figuras e coisas da Música Popular Brasileira. Rio de Janeiro: MEC/FUNARTE, 1978.

___________. Figuras e coisas do carnaval carioca. Rio de Janeiro: Funarte, 1982.

___________. Figuras e coisas da música popular. Vol. 2. Rio de Janeiro: Funarte, 1980.


EPAMINONDAS, Antônio. Brasil brasileirinho. Rio de Janeiro: Instituto Nacional do Livro, 1982.

FABRIS, Mariarosaria. Nélson Pereira dos Santos: um olhar neo-realista? São Paulo: Edusp / Fapesp, 1994.

FAUSTO, Boris. O Poder e o Sorriso. São Paulo. Companhia das Letras, 2006.

FILHO, Rubem Ewald. Dicionário de Cineastas. Porto Alegre: L&PM Editores, 1988.

FONSECA, José Elísio. A Estrela Dalva. Rio de Janeiro: Espaço e Tempo, 1987.

GALVÃO, Maria Rita: BERNADET, Jean-Claude. Cinema: repercussões em caixa de eco ideológica (as idéias do "nacional" e "popular" no pensamento cinematográfico brasileiro). Rio de Janeiro: EMBRAFILME ; São Paulo: Brasiliense, 1983.

GALVÃO, Maria Rita Eliezer. Crônica do cinema paulistano. São Paulo: Ática, 1975.

_________. Burguesia e cinema: o caso Vera Cruz. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira/Embrafilme, 1981.

GARCIA, Walter. Bim Bom: a contradição sem conflitos de João Gilberto. São Paulo: Paz e Terra, 1999.

GERBER, Rachel. O cinema brasileiro e o processo político-cultural: 1950-1978. Rio de Janeiro: Embrafilme/DAC, 1982.

GOLDFEDER, Miriam. Por trás das ondas da Rádio Nacional. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1980.

GOMES, Bruno Ferreira. Wilson Batista e sua época. Rio de Janeiro: Funarte, 1985.

GOMES, Bruno Ferreira. Adoniran: um sambista diferente. Martins Fontes Funarte, 1987.

GONZAGA, Alice. 50 Anos de Cinédia. Rio de Janeiro: Record, 1987.

GONZAGA, Adhemar e GOMES, Paulo Emílio Salles. 70 anos de cinema brasileiro. Rio de Janeiro: Expressão e Cultura, 1966.

HENRIQUES, Afonso. Ascensão e queda de Getúlio Vargas. Rio de Janeiro: Record, 1966.

HERNANNY, Drault. Meninos, eu vi... e agora posso contar. Rio de Janeiro: Record, 1988.

HOLANDA, Nestor de. Memórias do Café Nice: subterrâneos da música popular e da vida boêmia do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: Conquista, 1969.

IANNI, Octavio. O colapso do populismo no Brasil. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1968.

__________ . Estado e planejamento econômico no Brasil (1930-1970). Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1977.

JÚNIOR, Abel Cardoso. Francisco Alves - As mil canções do Rei da Voz. Edição comemorativa de seu centenário de nascimento: REVIVENDO, 1998.

JUREMA, Abelardo de Araújo. Juscelino & Jango: PSD & PTB. Rio de Janeiro: Artenova, 1970.

KRAUSHE, Valter. Música popular brasileira. São Paulo: Brasiliense, 1983.

LAFER, Celso. JK e o programa de metas, 1956-1961: processo de planejamento e sistema político no Brasil. Rio de Janeiro: FGV, 2002.

LAGO, Mário. Bagaceira de beira-estrada. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1977.

LAMOUNIER, Bolivar. Os grandes líderes: Getúlio. São Paulo: Nova Cultura, 1988.

LENHARO, Élcio. Cantores do rádio: a trajetória de Nora Ney e Jorge Goulart e o meio artístico de seu tempo. São Paulo: Unicamp, 1995.

LEVINE, Robert. Pai dos pobres? Brasil na era Vargas. São Paulo: Companhia das Letras, 2001.

LOBATO, Ana Lúcia. Os ciclos regionais de Minas Gerais, norte e nordeste in História do cinema brasileiro. São Paulo: Art, 1987.

LOPES, Nei. O samba na realidade. A utopia de ascensão social do sambista. Rio de Janeiro: Codecri, 1981.

LOUZEIRO, José. Elza Soares - cantando pra não enlouquecer. São Paulo: Globo, 1997.

MAGALDI, Sábato. Nelson Rodrigues: dramaturgia e encenação. São Paulo: Perspectiva/EDUSP, 1987.

___________. Panorama do Teatro Brasileiro. São Paulo: Difel, 1962.


MARANHÃO, Ricardo. O governo Juscelino Kubitschek. 5. ed. São Paulo: Brasiliense, 1988.

MARCONDES, Marcos Antônio. (ED). Enciclopédia da Música popular brasileira: erudita, folclórica e popular. 2. ed. São Paulo: Art Editora/Publifolha, 1999.

MARIZ, Vasco. A canção popular brasileira. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 2000.

MARTINS, José de Souza. Capitalismo e tradicionalismo: estudos sobre as contradições agrárias no Brasil. São Paulo: Pioneira, 1975.

MATOS, Maria Izilda. Dolores Duran: Experiências Boêmias em Copacabana. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1997.

MATTOS, Sérgio. Um perfil da TV brasileira: 40 anos de história. Salvador: ABAP, 1990.

MÁXIMO, João e DIDIER, Carlos. Noel Rosa, uma biografia. Brasília: Linha Gráfica, 1990.

MEDEIROS, Jarbas. Ideologia autoritária no Brasil: 1930-1945. Rio de Janeiro: FGV, 1978.

MENEZES, Thiago. Celly Campello, a rainha dos anos dourados. São Paulo: João Scortecci Editora, 1996

MICELLI, Sérgio. Estado e Cultura no Brasil. São Paulo: Difel, 1984.

_________. Intelectuais e classe dirigente no Brasil (1920-1945). São Paulo: Difel, 1979.

_________. A noite da madrinha. São Paulo: Perspectiva, 1972.

MIRANDA, Luiz Felipe. Dicionário de Cineastas Brasileiros. São Paulo: Art Editora, 1990.

MONTEIRO, Martha Gil. Carmen Miranda - a pequena notável (uma biografia não autorizada). Rio de Janeiro: Record, 1989.

MORAES, Denis. O imaginário vigiado: A imprensa comunista e o realismo socialista no Brasil. 1947-1953. Rio de janeiro: José Olimpio, 1994.

MORAIS, Fernando. Chatô, o rei do Brasil: a vida de Assis Chateaubriand. São Paulo: Companhia das Letras, 1994.

MOSTAÇO, Edelcio. Teatro e política: Arena, Oficina e Opinião, uma interpretação da cultura de esquerda. São Paulo: Proposta editorial, Secretaria Estadual de Cultura, 1982.

MOTA, Carlos Guilherme. Ideologia da cultura brasileira. São Paulo, Ática, 1977.

MOTA, Carlos Guilherme (Org.). Brasil em perspectiva. Rio de Janeiro: Difel, 1975.

MOURA, Flávio e NIGRI, André. Adoniran - Se o senhor num tá lembrado. São Paulo: Boitempo, 2002.

MOURA, George. Paulo Francis, o soldado fanfarrão. Rio de Janeiro, 1996.

MUGNAINI Jr., Ayrton. Adoniran, dá licença de contar... São Paulo: Editora 34, 2002.

MUNIZ JR., José. Sambistas imortais: dados biográficos de 50 figuras do samba. São Paulo: Impress/Cly, 1976.

MURCE, Renato. Bastidores do rádio. Rio de Janeiro: Imago, 1976.

NASSER, David. Os parceiros da glória. Rio de Janeiro: José Olímpio: 1983.

NEIVA Matos, Cláudia. Acertei no milhar: malandragens e samba no tempo de Getúlio. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1982.

OLIVEIRA, Aloysio de. De banda pra lua. Rio de Janeiro: Record, 1982.

PAIVA, Salvyano Cavalcanti de. História ilustrada dos filmes brasileiros: 1929-1988. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1989.

PAVÃO, Alberto. Rock Brasileiro (1955-1965). São Paulo: Edicon, 1989.

PEIXOTO, Fernando (Direção). Teatro de Gianfrancesco Guarnieri. Rio de Janeiro, 1978.

PELLIZARI, Lorenzo e VALENTINETTI, Cláudio M. Alberto Cavalcanti. São Paulo: Instituto Lina Bo Bardi e P. M. Bardi, 1995.

PEREIRA JR., Araken Campos. Cinema brasileiro - 1908-1978 (longas-metragens). Santos: Casa de Cinema, [s.d.].

PIMENTEL, Luís e VIEIRA, Luís Fernando. Wilson Batista. Rio de Janeiro: Relume-Dumará/Prefeitura do Rio, [s.d.].

PIPER, Rudolf. Filmusical Brasileiro e Chanchada. Rio de Janeiro: Global, 1977.

POMAR, Wladimir. Era Vargas – a modernização conservadora . São Paulo: Ática, 2003.

PRADO, Décio de Almeida. O teatro brasileiro moderno. São Paulo: Perspectiva/EDUSP, 1988.

________. Apresentação do teatro brasileiro moderno. São Paulo: Perspectiva, 2001.

PRADO, Luís André do. Cacilda Becker: fúria santa. São Paulo: Geração Editorial, 2002.

RAMOS, Fernão (Org.). História do cinema brasileiro. São Paulo: Art, 1987.

RAMOS, Fernão Ramos e MIRANDA, Luiz Fernando (orgs). Enciclopédia do Cinema Brasileiro. São Paulo: Senac, 2000.

RAMOS, José M. Ortiz. Cinema, Estado e lutas ideológicas (anos 50/60/70). Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1983.

RAMOS, Plínio de Abreu. O PSD mineiro. Belo Horizonte: Itatiaia, 1993.

RAULINO, Berenice. Ruggero Jacobbi: Presença italiana no teatro brasileiro. São Paulo: Perspectiva, 2002.

RIBEIRO, Darcy. Aos trancos e barrancos: como o Brasil deu no que deu. Rio de Janeiro: Guanabara, 1985.

RIBEIRO, José Augusto. A Era Vargas, volume três: agosto 1954: a crise e a morte do presidente. Rio de Janeiro: Casa Jorge Editorial, 2001.

ROCHA, Glauber. Revisão Crítica do Cinema Brasileiro. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1963.

RODRIGUES, Lupicinio. Foi assim: o cronista Lupicínio conta a história de suas músicas. Porto Alegre: L&PM, 1995.

SALEM, Helena. Nelson Pereira dos Santos: o sonho possível do cinema brasileiro. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1987.

SALLES GOMES. Paulo Emílio. Humberto Mauro, Cataguases, Cinearte. São Paulo: Perspectiva/EDUSP, 1974.

__________. Cinema: trajetória no subdesenvolvimento. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1979.

SANTOS, Alcino et alii. Discografia brasileira em 78 rpm: 1902-1964 (cinco volumes). Rio de Janeiro: Funarte, 1982.

SANTOS, Joaquim Ferreira dos. Feliz 1958: o ano que não devia terminar. 5. ed. Rio de Janeiro: Record. 1998.

SANTOS, Raimundo. A primeira renovação pecebista: reflexos do XX Congresso do PCUS no PCB. Belo Horizonte: Oficina de Livros, 1988.

SARGENTO, Nelson & DUARTE, Francisco. Geraldo Theodoro Pereira. Rio de Janeiro: Funarte, 1985.

SAROLDI, Luiz Carlos e MOREIRA, Sônia Virgínia. Rádio Nacional: o Brasil em sintonia. Rio de Janeiro: Funarte, 1984.

SEVERIANO, Jairo. Yes, nós temos Braguinha. Rio de Janeiro: Funarte/INM: 1987.

SEVERIANO, Jairo e HOMEM DE MELLO, Zuza. A canção no tempo: 85 anos de música brasileira (volume 1:1901 – 1957). São Paulo: Editora 34, 1997.

________. A canção no tempo: 85 anos de música brasileira (volume 2: 1958 – 1985). São Paulo: Editora 34, 1998

SILVA, Hélio. Os presidentes: Getúlio Vargas. São Paulo: Grupo de Comunicação Três, 1984.

SILVA, Helio. 1954: um tiro no coração (colaboração de Maria Cecília Ribas) Carneiro. 2.ª ed. Porto Alegre: L&PM, 2004.

SILVA NETO, Antônio Leão da. Astros e estrelas do cinema brasileiro: dicionário de atrizes e atores. São Paulo: ed. do autor, 1998.

SINGH JR., Oséas. Vida e obra de Anselmo Duarte, autor e cineasta mais premiado do cinema brasileiro. São Paulo: Massao Ohno, 1993.

SKIDMORE, Thomas E. Brasil - de Getúlio a Castelo. 7.ª ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1982.

SODRÉ, Nelson Werneck. A verdade sobre o ISEB. Rio de Janeiro: Avenir, 1978.

SOUZA, Carlos Roberto de. A fascinante aventura do cinema brasileiro. São Paulo: Cinemateca Brasileira, 1981.

SOUZA, Rivadávia de. Botando os pingos nos is: as inverdades nas memórias de Samuel Wainer. Rio de Janeiro: Record, 1989.

SOUZA, Tárik de. O som nosso de cada dia. Porto Alegre: L&PM, 1983.

SOUZA. Tárik de et alii. Brasil musical. Rio de Janeiro: Art Bureau, 1988.

TEIXEIRA, Alberto. Planejamento público: de Getúlio a JK (1930-1960). Rio de Janeiro: Plance, 1997.

TINHORÃO, José Ramos. Música popular: um tema em debate. São Paulo: Editora 34, 1997.

__________. Música Popular, teatro e cinema. Petrópolis: Vozes, 1972.

__________. Música popular: do gramofone ao rádio e TV. São Paulo: Ática, 1979.

__________. Pequena história da música popular da modinha à lambada. 6.ª ed. São Paulo: Art, 1991.

VASCONCELOS, Ary. Panorama da música popular brasileira (2 volumes). São Paulo: Martins, 1964.

VIANNI, Alex. Agulha no Palheiro (organização de Pedro Jorge de Castro - Fundação Cearense de Pesquisa e Cultura). Brasília: CAPES, 1983.

_________. Introdução ao cinema brasileiro. Rio de Janeiro: INL, 1959.

VIEIRA, Jonas e NATALISCIO, Norberto. Herivelto Martins: uma escola de samba. Rio de Janeiro: Ensaio, 1992.

VIEIRA, Jonas. A voz que abalou o rádio. Rio de Janeiro: Valda, 1993.

VIEIRA, Jonas. Orlando Silva, o cantor das multidões. Rio de Janeiro: Funarte/Instituto Nacional de Música, 1985.

VIEIRA, João Luiz. A chanchada e o cinema carioca in História do cinema brasileiro. São Paulo: Art, 1987.

VIEIRA, Luis Fernando; PIMENTEL, Luís e VALENÇA, Suetônio. Vida e obra de Geraldo Pereira. Rio de Janeiro: Relume Dumará, 1995.

VELLOSO, Mônica. Os intelectuais e a política cultural do Estado Novo. Revista de Sociologia e Política, Departamento de Ciências Sociais/UFPR, n.º 9, Curitiba, 1997.

XAVIER, Ismail. O cinema brasileiro moderno. São Paulo: Paz e Terra, 2001.

WAINER, Samuel. Minha razão de viver: memórias de um repórter - organização e editoração de Augusto Nunes. Rio de Janeiro: Record, 1988.

WIRTH, James D. A política do desenvolvimento na era de Vargas. Rio de Janeiro: FGV, 1973.

0 comentários:

Postar um comentário

<< Home